Carregando...
gabicomachio.jpg

Por Dra Gabrieli
Natural de Videira/SC, Residente no Mato Grosso desde 1991. Bacharel em Nutrição pela Universidade de Cuiabá – UNIC, 2009. Pós graduanda em Nutrição Humana e Saúde pela Universidade Federal de Lavras – UFLA, 2011. Pioneira na Região Norte do Estado do Mato Grosso em Atendimento Domiciliar com enfoque na Reeducação de Hábitos Alimentares. . Com formação no Curso de Estética e Nutrição pela Universidade Vale do Itajaí - SC, Curso Personal Diet: Atendimento domiciliar pela NTR Cursos, Curso Fitoterapia na Estética, Instituto Ana Paula Pujol Balneário Camboriú- SC, Personal Diet, Personal Cook e Empreendedorismo por Celiane Gonçalves, entre outros. Participação no livro: "Obesidade infantil não é brincadeira", por Alex Batalha, escritor e Ed. Físico. Apresentando em um capítulo, estudos de caso e como o tratamento em conjunto com a família resulta em sucesso. Consultora do Programa Bem Receber Copa - 2014. Assessorando Cuiabá – MT, pelo Ministério do Turismo e Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes)

Tuesday, 5 de November de 2013

Dieta das modelos e misses

“Manter a forma em meio a uma rotina instável, como é a da maioria dessas profissionais, requer muita disciplina e perseverança” é o diz a Nutricionista Especialista Gabrieli Comachio.

Desde a morte da modelo Ana Carolina Reston, em 2006, o bloqueio contra modelos muito magras aumentou. Para os profissionais da saúde em geral, à pressão cultural para emagrecer é considerada um elemento fundamental da base dos transtornos alimentares, os quais, juntamente com fatores biológicos, psicológicos e familiares acabam gerando uma preocupação excessiva com o corpo, um medo anormal de engordar e uma ansiedade marcantemente acompanhada de alterações do esquema corporal. “O corpo esbelto das modelos e misses deixa todo mundo com inveja, o único problema é que nem sempre a alimentação que elas fazem é tão saudável assim. Todo mundo sabe que mais da maioria das modelos vive de regimes restritos, a maioria das pessoas não conhece as loucuras que elas fazem para manter o peso”, relata a Nutricionista. "Ninguém me pediu para perder peso, mas, observando o padrão dos últimos anos percebi que precisava emagrecer para atender às expectativas do Miss Universo", em entrevista concedida a UOL Ciência e Saúde, abril deste ano, a Miss Brasil Débora Lyra, conta como perdeu 5kg em 20 dias. Para a Nutricionista Gabrieli, mesmo a dieta da Miss, ter sido acompanhada por profissional da saúde, perder 5 kg em 20 dias pode ser considerado radical, principalmente para uma pessoa que já se encontrava em peso corporal ideal para estatura, correndo riscos de comprometer o estado nutricional, imunidade. Alguns estudos tem apontado que aos 15 anos de idade, uma a cada quatro meninas fazem regime para emagrecer, sem que, em quase nenhum caso, se constatem problemas de peso acima de uma faixa de normalidade. No estudo elas respondiam a pergunta: "você se vê gorda, mesmo que os outros te vejam magra?", 58 % das meninas de 15 anos contestaram afirmativamente a opinião dos outros que as consideravam normais, magras ou não gordas. Seria esse um indício de Distorção da imagem corporal? Perguntamos a Dra Gabrieli Comachio como ela reconhece em clientes/pacientes os problemas da distorção da imagem, veja o que ela nos respondeu: “Na prática clínica existem várias maneiras de se avaliar e não é tão simples como parece. Uma das ferramentas que utilizo é o STM (Silhouette Matching Task), proposto por STUNKARD (1983), adaptado por MASH e ROCHE (1996). É um teste composto por 12 silhuetas em escala progressiva, na qual apresento ao paciente para ele responder duas questões básicas: Qual silhueta se encontra atualmente e qual desejaria ter?” Figura 1 – SMT (Silhouette Matching Task) ou Teste para a avaliação da imagem corporal “O interessante desse teste é que no geral, os homens querem ter um corpo mais forte e volumoso, com baixo percentual de gordura, já as mulheres buscam o tipo físico ideal que é um corpo mais magro, menos volumoso e com curvas nas medidas ditadas pelo padrão da mídia, além de que na maioria das vezes não temos noção da nossa própria imagem corporal, sempre nos achamos mais gordos do que somos ou vice e versa.” A nutricionista finaliza; “Cada vez mais, os concursos de beleza atraem meninas que, muitas vezes, mal entraram na adolescência, e que sonham em virar Top Model. Desejar um tipo físico similar das modelos e misses, sem perder de vista a saúde psicológica fará com que a candidata suporte os desafios que o longo percurso dessa carreira proporciona. Fazer exercícios, treinar e respirar corretamente ajuda a manter uma boa postura; cuidados com a alimentação e acompanhamento contínuo com os profissionais da saúde só auxiliarão no equilíbrio do corpo e mente.” Gabrieli Comachio é Nutricionista, Especialista em Nutrição Humana e Saúde pela Universidade Federal de Lavras – UFLA. Pioneira no Norte do Estado do Mato Grosso em Atendimento Personal Diet; com Experiência em tratamentos para emagrecimento e programas de qualidade de vida em empresas. Fez vários cursos na área de fitoterapia e prescrição de suplementos alimentares na estética; Sócia Proprietária do Blog: www.dicasdenutricao.com com mais de 100mil acessos/ mês; Consultora em projetos na área de gestão e marketing no setor de turismo, alimentos e bebidas; Recentemente ministrou palestra para mais de 100 modelos em evento de moda em Cuiabá, MT. Acesse: www.gabrielicomachio.com.br E-mail contato@gabrielicomachio.com.br